.

.

quinta-feira, 26 de julho de 2012

E o tempo levou...


"Os dias talvez sejam iguais para um relógio, mas não para um homem."
Autor Marcel Proust



7 comentários:

Angel disse...

Dias iguais nunca...
Até no buraco mais fundo temos que dar graças a Deus por não termos terra em cima!!!

um anjo

Leandro Ruiz disse...

Nada em nossos dias são iguais. Podemos realizar a mesma tarefa diária, mas a cada dia sempre fazemos algo de modo diferenciado...

Aguardando a sua presença no Eu e o tempo.

Abraço!

Leandro Ruiz

wwww.eu-e-o-tempo.blogspot.com

angela vasconcelos disse...

Com o passar do tempo, a sabedoria e a evolução espiritual, são mais importantes que alguns sinais do tempo, é o que eu acredito, o homem da foto é o ator Terence Stamp,que fez lindamente o papel de Bernadete Bassenger no filme Priscilla a rainha do deserto,normalmente ele é conhecido por personagens mafiosos.

Anne Lieri disse...

Cada dia tem mesmo sua especificidade!Linda msg!bjs,

Lilá(s) disse...

Cada dia tem um "presente" diferente, basta desatar as fitas...
Bjs

MARILENE disse...

O relógio nada diferencia, realmente. E o tempo, nos seres humanos, vai deixando suas marcas. Bjs.

Zélia Cunha disse...

Oi, amiga!

O tempo passa, é implacável. Deixa marcas, mas a essência permanece. Importa saber viver cada momento como se fosse o último.
Bjs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...